Prefeitura Municipal de Petrolândia-PE

Prefeitura Municipal de Petrolândia-PE

Notícias

Petrolândia é destaque em premiações estadual e nacional com projeto sobre a piscicultura

Do(a) Secretaria de Desenvolvimento Econômico por Assessoria da Prefeitura de Petrolândia em 27/11/2018 ‡s 19:49:03

Compartilhe:

Seu Nome:
Seu E-mail:
Nome Amigo:
E-mail Amigo:
Comentrio:
Petrolândia é destaque em premiações estadual e nacional com projeto sobre a piscicultura
Depois do sucesso da Exposertão 2018, realizada entre os dias 08 e 11 deste mês, no Parque João Pernambuco, a prefeita Jane Souza comemora o fato de o projeto "Piscicultura: um caminho para o desenvolvimento" ter sido selecionado entre os 10 melhores do 1º Prêmio ODS Brasil 2018, seleção nacional que premia as melhores práticas relacionadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, preconizados por ocasião da Cúpula das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável. 

Clique aqui>Ver relação de Práticas Finalistas do 1º Prêmio ODS Brasil 2018


O mesmo projeto também está entre os 10 melhores do Estado de Pernambuco no Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor 2018, nas categorias Inovação e Sustentabilidade" e "Pequenos negócios no campo". 

Clique aqui>Ver relação de  finalistas da etapa Estadual – Pernambuco da X Edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

A prefeita Jane Souza participará de solenidade de premiação, organizada pelo Sebrae, no dia 12 de dezembro, em Recife, e do evento para receber menção honrosa no Prêmio ODS Brasil 2018, no Palácio do Planalto, em Brasília-DF, no próximo dia 13, com a presença do Presidente da República, Michel Temer.

Conheça o projeto da Prefeitura Municipal de Petrolândia, inscrito no ODS Brasil 2018.

GOV177 – PISCICULTURA: UM CAMINHO PARA O DESENVOLVIMENTO – Prefeitura de Petrolândia


A prática foi criada em 2006, pela Prefeitura de Petrolândia (PE),como um programa de desenvolvimento da piscicultura com o propósito de diversificar o desenvolvimento da economia do município. O objetivo era aproveitar o potencial oferecido pela formação do Lago de Itaparica para a produção de tilápia, incorporando a sustentabilidade ambiental na geração de emprego e renda para os produtores da agricultura familiar atingidos pela formação da barragem.

A prática, que enfatiza a inclusão social bem como o fortalecimento do associativismo e economia solidária, já conta com oito unidades de produção (totalizando 100 toneladas por mês) e uma cooperativa, possibilitando economia com a compra coletiva de insumos e redução dos custos operacionais. Desde 2007, 168 pessoas já foram beneficiadas diretamente (a maioria pequenos agricultores, pescadores artesanais e jovens recém-formados do ensino médio) e 330 pessoas indiretamente. 

A produção de tilápia pelo sistema de tanques-rede (gaiolas) tem-se desenvolvido de maneira crescente no Brasil, facilitando sua replicabilidade. Tal sistema possui diversas vantagens tais como: i) redução da mortalidade dos peixes; ii) redução dos custos de mão de obra; iii) maior gerenciamento e precisão na oferta de alimentos; iv) otimização das unidades produtivas.

A prática tem relação direta com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável:

• 2:impacta a segurança alimentar dos beneficiários da prática e oferece a comunidade mais uma opção de proteína com valor acessível;

• 4: pois os beneficiários se capacitaram para exercer a atividade de piscicultura - muitos ingressaram no curso de Engenharia de Pesca na Universidade do Estado da Bahia (UNEB), no campus de Paulo Afonso; e

• 8:uma vez que os beneficiários passaram da condição de subemprego para a de empreendedores.


Mais notícias

Prefeitura Municipal de Petrolândia-PE

Ir para o topo